6 dicas infalíveis para se dar bem na Black Friday

Saiba como aproveitar melhor os descontos e comprar com segurança na Black Friday

Black FridayUma das datas mais aguardadas do ano pelo comércio está chegando: 25 de novembro, quando ocorre a já conhecida Black Friday. Neste dia de preços baixos muita gente se prepara para comprar aquele produto tão desejado ou então fazer as compras de Natal. Você, por exemplo, já planejou o que precisa comprar?

Caso ainda não tenha se planejado ou então se você tem um pé atrás com a Black Friday (e com razão, pois realmente existem lojas que vendem pela metade do dobro), nós vamos te dar algumas dicas de como aproveitar bem a “sexta-feira negra”.

Vamos lá?

1) Listinha de compras:

Faça uma lista de compras com o que você precisa. Isso vai te ajudar a fugir da compra por impulso na Black Friday e a focar no que realmente lhe é essencial. Com muitas promoções é normal a gente perder o foco e comprar coisas que não precisamos só por causa daquele “desconto imperdível”.

2) Fiscalização de preços:

Como saber se um produto realmente está com desconto ou não? Simples: aproveite a sua lista e entre agora mesmo nos sites para saber por quanto os produtos estão sendo vendidos. Anote os preços!!! No dia da Black Friday vai ser só comparar e ver se realmente os valores vão estar menores.

3) Black Friday fora de época:

Muitas lojas antecipam a Black Friday, tanto que hoje em dia é normal termos como “Black Week”. Sugerimos que você espere a sexta-feira, pois a chance de achar uma promo melhor é muito maior.

4) Melhor horário pra comprar:

Se você puder dormir tarde, já fique de olho nos e-commerces na quinta-feira de noite. Os produtos com melhores descontos na Black Friday muitas vezes não amanhecem nos estoques, então fique atento para caçar ofertas depois de 0h.

5) Qual loja comprar?

Hoje em dia você consegue saber de forma fácil a reputação de uma loja. Na dúvida, vá no Reclame Aqui e dá uma olhada (obs.: o fato de uma loja estar no Reclame Aqui não significa que ela é ruim. Problemas acontecem, mas o bom é que você consegue ver se o lojista contornou ou não). Outra forma: o Procon-SP fez uma lista com mais de 500 lojas virtuais que devem ser evitadas (Na Black Friday ou não). Essa lista você pode ver AQUI!

6) Cadastro com antecedência:

Como os e-commerces pedem ao consumidor que preencha um cadastro para efetuar qualquer compra, separe um tempo para já ir se cadastrando nos sites em que pretende comprar durante o período da Black Friday. Afinal, a queda de conexão em sites por causa do fluxo intenso de internautas é muito comum.

Pronto, com essas dicas você com certeza vai fazer boas compras na sexta-feira 😉

Mas poxa Thay, você não falou nenhuma loja pra gente comprar 😐

Infelizmente eu não tenho nenhuma informação privilegiada 😀 , então não sei as lojas que vão oferecer bons descontos. Minha dica é você seguir as lojas que mais gosta nas redes sociais, assim dá pra ficar por dentro assim que elas soltarem um produto com desconto legal.

Falando nisso…

FIQUE LIGADO NAS NOSSAS REDES SOCIAIS TAMBÉM. Na sexta-feira o patrão pode ficar maluco e soltar um monte de serviços com precinhos camaradas. #FicaaDica