Não esqueça do feedback

Seu feedback tem o poder de mostrar respeito e até de melhorar um serviço

Meu amigo, se você é casado como eu ou está num relacionamento, diga à sua companheira o quanto ela está linda hoje, o quanto a ama… Ou então, se ela não estiver linda e nem você a ama, conte a verdade. Vai ser duro? Ah, vai. Provavelmente ela vai te dar um pé na bunda? É grande a possibilidade. Mas se você não falar nada, ela jamais vai saber o que é bom e o que é ruim pra você. E pior: estando linda pode acabar se sentindo horrível, amando pode achar que não é amada…

“Meu Deus, Raphael… hoje você foi longe demais O que isso tem a ver com a Origgami?”

Hahaha! Calma, eu não tô maluco (eu acho)! E também não tô aqui pra dar uma de Hitch, o conselheiro amoroso (apesar de já ter assistido ao filme mais de 5 vezes). Neste post vou escrever sobre FEEDBACK, a importância de dar e, principalmente, saber receber.

FEEDBACK:
Palavra em inglês que no português significa retorno, resposta, crítica, análise crítica.
Dicionário Informal

Antes de qualquer coisa, preciso dizer que fiquei amarradão de escrever este post depois que vi no Instagram uma  publicação da Jangada, que é uma agência de marketing digital parceirona aqui da Origgami (Valeu, Jangada! Tá show o Insta de vocês!). Lembrei que muitas vezes mando propostas e ouço barulho de grilos, que escuto várias pessoas reclamando de entrevistas de emprego que não dão um retorno, e que eu mesmo já ouvi reclamação de funcionário dizendo que eu não dava feedback – e pior que era verdade :/

Feedback positivo

Dar um feedback positivo é fácil pra caramba, mas tem gente que não dá porque:

  1. Acha que não precisa, que um bom serviço não é mais do que a obrigação (e concordo, mas não custa elogiar né?);
  2. Acha que é puxa-saquismo.

Na boa? Não cometa esses erros. Pense o seguinte: receber um elogio faz bem, e se somos elogiados por determinada coisa, sempre a faremos da mesma forma ou melhor. Pior, nunca!

Feedback negativo

Dar um feedback negativo é mais difícil, pode rolar aquele climão. Mas se você for dar o feedback negativo, tente ser objetivo e ao mesmo tempo não usar de grosseria. Não é tão difícil discernir quem critica para o bem e quem crítica só pelo prazer de criticar; geralmente quem critica para o bem é gentil, se preocupa em não destruir a pessoa, mesmo falando sobre algo desconfortável. Agora, se por acaso você receber um feedback negativo, lembre-se do seguinte: não é obrigação de ninguém falar o que pensa sobre você, principalmente algo negativo. Então aproveite a sincera opinião dessa pessoa e mude (se você quiser, claro), porque provavelmente outras pessoas compartilham da mesma opinião sobre você.

Um feedback para a Origgami

E aí? O que você acha da gente e do nosso trabalho? Pra gente é sempre importante saber o que você pensa, então escreve pra cá – contato@origgami.com.br