10 dicas para vender em tempos de crise

Saiba como melhorar a imagem do seu negócio sem precisar investir muito

crise-de-imagemEm tempos difíceis na economia, muitos empresários tem reclamado que está cada vez mais difícil entrar no mercado, que as pessoas estão parando de comprar, etc. E é verdade, tem muita gente revendo os gastos e colocando a mão no bolso com menos frequência. No entanto, isso não significa que os seus produtos ou serviços não são necessários para o consumidor. Mais do que nunca você precisa vender valor, provar que contratar a sua empresa será um ótimo negócio, que para o cliente não será um gasto e sim um investimento. Bom, para ajudar o seu negócio a decolar mesmo em tempos de crise, preparamos uma lista com 10 itens básicos para ter na mão na hora de negociar. Confira abaixo:

  • Cartão de visitas – É tão básico, mas tão básico, que colocamos logo no topo da lista. Um cartão de visitas diz muito sobre você e/ou sua empresa, então apesar de ser considerado um tipo de material impresso simples, é bom ter cuidado. Evite o “faça você mesmo” e contrate um profissional para fazer a arte. Na hora de imprimir, gráfica de qualidade, papel bom e acabamentos bem feitos. Investimento aproximado – R$ 200,00.

  • Site – Todo mundo está na internet, então o seu negócio precisa estar também. Só que a exemplo do cartão de visitas, ter um site feio, sem ser adaptável para celulares e tablets, é um tiro no pé. A dica é não gastar a princípio com um site todo rebuscado, cheio de programações de outro mundo. Um site bom não precisa ser caro, pelo contrário. Um site bom é aquele que lhe apresenta muito bem. Investimento aproximado – R$ 2.000,00.

  • Vídeo empresarial – As vezes a gente só quer um minuto de atenção para explicar nossas ideias, não é verdade? Um vídeo institucional resolve esse problema, e é tão rapidinho que o cliente aperta o play sem pensar duas vezes. E se você acha que 1 minuto é pouco, faça o seguinte teste: dê start no cronômetro e tente falar por 60 segundos. Com certeza você vai repensar sobre esse tempo ser pouco. Investimento aproximado – R$ 1.000,00.

  • Apresentação – Um cliente quer saber sobre a sua empresa, o que você faz para vender o peixe? O ideal é ter uma apresentação bonitinha, falando sobre o diferencial do seu serviço, mostrando seus contatos, etc. Com toda certeza mostrar profissionalismo antes mesmo de fechar negócio é importante. Investimento aproximado – R$ 500,00.

  • Logotipo – Se você não tem um logotipo ou possui um bem ruinzinho, mude. A marca da sua empresa tem que ser apresentável, do contrário não queira que o cliente acredite que o seu serviço será diferente da maneira como você se apresenta. Se o seu negócio se mostra ruim, o cliente vai achar que o serviço é ruim também. É até óbvio! Investimento aproximado – R$ 500,00.

  • E-mail marketing – Perguntamos às moças aqui da Origgami a opinião delas quanto a um homem bonito e já com certa idade. A resposta foi unânime: George Clooney. Podemos então falar que o e-mail marketing é o George Clooney dá internet, ou seja, um coroa que ainda rende muito caldo. Falando sério: até existe uma dúvida se as pessoas realmente clicam em anúncios via e-mail, mas estudos apontam que sim, que essa ferramenta é muito eficiente desde que os e-mails sejam disparados para um público não aleatório. Investimento aproximado – R$ 400,00.

  • Mídias sociais – Estar nas mídias sociais é muito importante, e até dá pra fazer isso sozinho. No entanto, muita gente ainda acha que não vale a pena a contratação de um profissional. Que engano! Um trabalho de relacionamento bem feito nas mídias sociais, junto com artes seguindo a identidade visual da marca, campanhas bacanas, etc., com certeza vai fidelizar os clientes. Investimento aproximado – R$ 1.000,00.

  • Pastas – O cartão de visitas é básico, toda empresa tem que ter. O problema é que só o cartão de visitas não garante que você será sempre lembrado. O ideal é que o cliente guarde materiais sobre o seu negócio, e é aí que trabalhar com papelaria é importante. Envelope, panfleto, adesivo… tudo isso é importante, mas uma pastinha para guardar essas e outras coisas é ainda melhor. Investimento aproximado – R$ 750,00.

  • Brindes – Aqui na Origgami as canetas somem sozinhas, então sempre que alguém nos presenteia com uma caneta, por mais simples que ela seja, nós a utilizamos por um bom tempo (geralmente até ser mais uma a sumir). Ou seja, é um brinde barato e que vai fazer o cliente ficar com sua marca na mão por um bom tempo. Mas isso não se limita só a caneta. Chaveiros, canecas, camisetas… tudo é válido! Investimento aproximado – R$ 500,00.

  • E-mail personalizado – Não sei vocês, mas já fui atrás de serviços e recebi orçamento de pessoas com e-mails do tipo loirinhaangelical@hotmail.com. Nada contra a pessoa ter o apelido de Loirinha Angelical, mas não fica muito bacana usar uma coisa extremamente pessoal para o trabalho. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Ao invés disso, crie e-mails personalizados com o nome do seu negócio, será muito mais profissional. Exemplo: seunome@nomedaempresa.com.br (o meu aqui na Origgami é raphael.paim@origgami.com.br). Investimento aproximado – R$ 250,00.